Confira tendências que ficaram ainda mais fortes com a chegada do PIX

chegada do PIX promete facilitar a vida de muitos brasileiros. Com ele, é possível enviar e fazer pagamentos com rapidez e praticidade. Mas esse sistema também contribuiu para o fortalecimento de várias tendências financeiras e até mesmo pode reduzir o uso de alguns serviços bancários tradicionais.  

Confira a seguir quais tendências que ficarão ainda mais fortes com o PIX e conheça melhor essa novidade. Vamos lá? 

Popularização das transações digitais 

A popularização das transações digitais é uma tendência esperada com a chegada do PIX. Afinal, são dois sistemas que se complementam e contribuem para a circulação rápida de valores pela web, com compensação instantânea. 

A estimativa é que a entrada desse novo sistema alavanque com a adoção das transações digitais. Mas, para que isso aconteça, é importante que as organizações ofereçam serviços fáceis de serem usados e vantagens aos usuários. 

Dessa forma, tanto a utilização do PIX quanto das transações digitais será mais rápida pelos usuários. O Banco Central tem como objetivo estimular as empresas para que aceitem e ofereçam soluções para essa nova demanda. 

Redução do uso de TEDs e DOCs 

A redução do uso de TEDs e DOCs também está prevista com o uso do PIX no Brasil. Pois, essas transações são semelhantes ao modelo utilizado recentemente, mas com custos baixos e comodidades como a possibilidade de fazer transações quando desejar. 

Para fazer as transferências de valores, os usuários do PIX não irão precisar de dados como: 

  • Número do banco; 
  • Número da agência; 
  • Conta da pessoa/empresa. 

Pagamentos de boletos pelo PIX 

Outra tendência que fica mais forte com a chegada do PIX é a possibilidade de pagar boletos e outros produtos através desse sistema. Aliás, o Banco Central tem convocado empresas para participar dos debates sobre essa possibilidade e discutir recursos como: 

  • PIX Pagador; 
  • PIX Parcelado; 
  • Saque PIX; 
  • Pagamento por aproximação; 
  • Pagamento com documento; 
  • Transferência entre meios de pagamentos internacionais. 

A estimativa é que outros recursos sejam implementados ao PIX até 2023, como requisições de pagamentos e a possibilidade de agendar um pagamento pelo sistema. Também entra em pauta os débitos automáticos e a liquidação de despesas recorrentes como TV a cabo e energia elétrica. 

Carteiras digitais com a chegada do PIX 

Com a implantação do sistema PIX, as carteiras digitais também seriam usadas como meios de pagamento. Nesses casos, beneficiários de empresas não precisariam ter uma conta bancária para receber seus pagamentos. Essa é uma vantagem para lojas virtuais, que poderão integrar uma carteira digital ao check-out para receber pagamentos através do PIX. 

WePayOut está prestes a tornar isso real. Se você se interessa por uma das possibilidades citadas no último tópico, seja para gerar facilidade no alto volume de pagamento dos seus beneficiários, ou para integrar o PIX ao check-out do seu e-commerce, cadastre-se e não perca nenhuma das nossas atualizações:

WePayout © 2020